J-Sistemas de planejamento de recursos da empresa - ERP

Um sistema ERP (Enterprise Resource Planning) tem a pretensão de suportar todas as necessidades de informação para tomada de decisão gerencial em um empreendimento como um todo. É basicamente composto de uma base de dados única e não redundante com módulos que atendem as necessidades de informação a todos os setores, não apenas aqueles ligados à manufatura, como: custos, recebimento fiscal, faturamento, recursos humanos, finanças, contabilidade, entre outros.


ERP: A grande estrutura onde se encaixam diferentes lógicas. De MRP a ERP.

Os módulos de planejamento da produção surgiram do cálculo das necessidade de materiais - MRP. A partir daí os sistemas foram evoluindo e forma surgindo módulos adicionais que abrangessem informações extras conectadas entre si. o MRPII se tornou um módulo que faz o planejamento de recursos de manufatura, em seguida o MPS determina o programa mestre de produção, o RCCP determina o cálculo grosseiro de capacidade no médio prazo, o CRP determina o cálculo de capacidade no curto prazo, o controle de chão de fábrica é feito pelo SFC, o controle de compras feito pelo PUR e finalmente o S&OP auxilia no planejamento integrado de vendas e operações. O sistema deixou de atender apenas as informações da produção para abranger outros setores da empresa. Os sistemas passam a operar de forma integrada a recebem a denominação de sistemas de planejamento dos recursos do empreendimento - enterprise resource planning - ERP.




  1. Descreva a evolução dos sistemas MRP ao ERP.
  2. O que um vendedor de software ERP quer dizer com a frase: 'Adote o ERP e troque as interfaces por integração'.
  3. O que você responderia se um alto executivo te perguntasse: 'Vale a pena investir num pesado ERP e sua implantação e correr o risco de num futuro próximo ser lançada uma outra solução que torne o ERP comprado obsoleto?